Lei torna Chico Mendes patrono do meio ambiente no Brasil

Image

Foto arquivo Câmara dos Deputados

Sindicalista e líder seringueiro é conhecido por suas lutas ambientais, em especial a favor da floresta amazônica.

O líder seringueiro, Francisco Alves Mendes Filho, mais conhecido como Chico Mendes, agora é patrono do meio ambiente brasileiro. A lei que institui a nomeação foi sancionada pela presidenta Dilma Rousseff e publicada no Diário Oficial da União desta segunda-feira (16).

Nascido no dia 15 de dezembro de 1944, Chico Mendes foi morto a tiros no quintal de sua casa, em Xapuri, no Acre, no dia 22 de dezembro de 1988, aos 44 anos. Dois anos após sua morte, dois fazendeiros foram culpados e condenados a 19 anos de prisão .

Breve histórico                                                                                                                                                                                                                                  Chico Mendes começou como seringueiro ainda criança, aos nove anos, acompanhando seu pai pelas matas. E em 1975, entrou para a luta sindical defendendo a preservação da Floresta Amazônica e lutando para impedir o desmatamento da riqueza verde brasileira.

Em 1981, Chico Mendes se tornou presidente do Sindicato de Xapuri, e assim seguiu até o dia da sua morte. Em 1985, liderou o 1º Encontro Nacional dos Seringueiros, onde foi criado o Conselho Nacional dos Seringueiros que transformou Chico Mendes em uma referência em toda a categoria.

Em 2012, o ambientalista foi eleito um dos 100 maiores brasileiros de todos os tempos.

Ideais                                                                                                                                                                                                                                                      Chico Mendes acreditava que a melhor forma de cuidar e conservar o meio ambiente e a Amazônia era a partir da criação de reservas extrativistas de culturas nativas como o babaçú, ervas medicinais, borracha, guaraná e castanhas.                                             No entanto, suas ideias iam de encontro ao interesses dos grandes fazendeiros e pecuaristas da época que devastam a floresta da região. Mesmo com diversos inimigos, Mendes nunca se intimidou com as ameaças que sofreu.

A força do seu trabalho se vê nas incontáveis reservas, estátuas, bustos, institutos e parques espalhados por todo o Brasil que levam seu nome, além de prêmios internacionais como o Global 500, oferecido pela Organização das Nações Unidas (ONU), por sua luta em defesa do meio ambiente.

Reserva Extrativista Chico Mendes no Acre                                                                                                                                                                              Na reserva que fica na cidade do herói ambiental ainda é feita a exploração e comercialização de borracha e de óleo de copaíba. Além dessas atividades, a comunidade faz o manejo madeireiro comunitário e familiar.

A população da Reserva acreana stabeleceu uma parceria com a Secretaria de Esporte, Turismo e Lazer do Estado do Acre, visando a implantação de uma trilha ecológica na Unidade de Conservação, com foco no turismo.

Instituto Chico Mendes                                                                                                                                                                                                                          O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) é uma autarquia em regime especial vinculado ao Ministério do Meio Ambiente e foi criado no dia 28 de agosto de 2007.

Cabe ao Instituto monitorar o uso público e a exploração econômica dos recursos naturais nas Unidades de Conservação. Na área de pesquisa, a instituição contribui para a geração e disseminação sistemática de informações e conhecimentos relativos à gestão de Unidades de Conservação, da conservação da biodiversidade e do uso dos recursos faunísticos, pesqueiros e florestais.

Fontes:
Diário Oficial da União
ICMBio

Tags:,

About cerradania

Operário das letras, Comunicador e Idealizador da Cerradania, Palestrante,Professor. Letterman, Communicator and Idealizer of Cerradania, Speakers,Teacher.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Central do Cerrado – Produtos Ecossociais

Citizenship actions in the Cerrado biome

Rede MAIS Vida no Cerrado

O berço das águas corre perigo

biomas do cerrado

Citizenship actions in the Cerrado biome

WWF - Latest

Citizenship actions in the Cerrado biome

ISPN

Citizenship actions in the Cerrado biome

Cerratinga

Citizenship actions in the Cerrado biome

Citizenship actions in the Cerrado biome

Citizenship actions in the Cerrado biome

Museu Virtual de Ciência e Tecnologia - Cerrado

Citizenship actions in the Cerrado biome

Day by Day the Farm Girl Way...

Simple life on a little piece of land.

Cerradania

Citizenship actions in the Cerrado biome

Maravilhas do Cerrado

"O uso da fotografia e cultura digital para fomento da educação ambiental"

Jim Caffrey Images Photo Blog

photography from the ground up

%d blogueiros gostam disto: