Jalapão e a rica biodiversidade do Cerrado

Na Região do Jalapão, sua biodiversidade é marca por diversos aspetos que condicionam a riqueza de espécies e traços culturais das comunidades que nela situam. Seus patamares geomorfologicos são claros exemplos de como a paisagem isolou (Pato Mergulhão…anfibios, Capim Dourado) ou limitou o desenvolvimento das comunidades e o avanço da fronteira agrícola sobre uma região inserida no bioma Cerrado com ecotónos entre os biomas Caatinga e fragmentos do bioma amazonas, detém uma fitofisionomia que atualmente, pelo seu estado de conservação é raro em sua representatividade.

imagem aerea jalapão

foto de Silvia helena Cardoso

A região do Jalapão abriga provavelmente a maior área contínua de Cerrado conservado, há na região extensas áreas de veredas, fisionomia caracterizada pela monodominância de buritis ( Mauritia flexuosa) e que indica a presença de pequenos mananciais e cursos d’água. Outra fisionomia marcante do Jalapão são as áreas de campos, há os campos sujos, em terrenos secos e os campos úmidos, adjacentes às veredas. Além de formações campestres, ocorrem na região extensas áreas de cerrado sentido restrito, além de áreas de cerradão, caracterizadas pela ocorrência de ipês (Tabebuia spp.), copaíba (Copaifera languisdorffii) e jatobás (Hymenaea spp), além de matas de galeria, ao longo dos rios.

Graças à vasta extensão de áreas naturais, o Jalapão é refúgio para diversas espécies de animais de grande e médio porte, muitos ameaçados de extinção. Entre os mamíferos pode-se citar a ocorrência de lobo guará (Chrysocyon brachyurus), a onça pintada (Panthera onca), o cachorro vinagre (Speothus venaticus) e a jaguatirica (Leopardus pardalis). Até o presente foram registradas mais de 130 espécies de aves na região, destacando-se três tipos de araras, arara-azul-grande (Anodorhynchus hyacinthinus), arara-vermelha-grande (Ara chloroptera)e arara-canindé (Ara ararauna), além da ema (Rhea americana) e o gavião do rabo branco (Buteo albicaudatus).

A flora e a fauna do Jalapão são características do Bioma Cerrado, mas há, na região ocorrência de espécies características da Amazônia e da Caatinga. A biodiversidade da região ainda é muito pouco conhecida, uma prova disto é que, desde 2001 foram encontradas na região espécies até então na descritas.

Conservação e Manejo de Capim Dourado

capim-dourado-jalapao-ricardo-brito

capim-dourado-jalapao-ricardo-brito

O artesanato de capim dourado foi identificado como uma potencialidade econômica da região e é uma atividade extrativista que pode estar associada à conservação do Cerrado no Jalapão. Por isto, em 2002, iniciou-se o Projeto “Conservação e Manejo de capim dourado no Jalapão”,  da Associação Capim dourado do Povoado da Mumbuca, do Parque Estadual do Jalapão e da Estação Ecológica Serra Geral do Tocantins, do Naturatins , do Programa de Pequenos Projetos (PPP-GEF/PNUD/ISPN), da Universidade de Brasília e da Embrapa Cenargen. Este projeto tem por objetivos:

•  Caracterizar as formas tradicionais de manejo da espécie e dos campos úmidos em que ela ocorre;

•  Testar efeitos da colheita de hastes e do manejo com o fogo sobre o capim dourado e as plantas dos campos úmidos;

•  Verificar efeitos da retirada do “olho” do buriti (de onde é extraída a seda usada para costurar o artesanato de capim dourado) sobre as populações desta palmeira.

O acompanhamento de mais de 2.000 plantas de capim dourado por mais de um ano, sempre contando com a colaboração de moradores do Povoado da Mumbuca, permitiu a descrição do ciclo de vida da planta, inclusive época de floração (produção das hastes usadas no artesanato), crescimento e produção de sementes.

Os resultados experimentais indicam que a colheita de hastes de capim dourado não tem efeitos de curto prazo sobre a espécie. Mas a colheita de hastes antes de sua maturação prejudica as plantas adultas, podendo matá-las por desenraizamento, não permite a produção e dispersão das sementes, o que pode ser extremamente prejudicial à espécie.

Com base nos resultados obtidos, o Naturatins – Instituto Natureza do Tocantins elaborou regras para a colheita das hastes de capim dourado utilizadas na confecção artesanal. Estas regras estão na Portaria 092/2005 que determina que:
– as hastes apenas podem ser colhidas após 20 de setembro;
– as flores (capítulos, ou frutos) devem ser cortadas e dispersas no solo logo após a colheita;
– As hastes de capim dourado não podem sair da região in natura, apenas em forma de artesanato.
Estas regras visam garantir a produção de sementes (que ocorre apenas a partir do início de setembro) e sua manutenção nos campos úmidos, para a que as populações de capim dourado possam se manter, naturalmente. Além disto, pretende-se garantir que o capim dourado gere renda para artesãos da região do Jalapão, sendo vendido já como artesanato, com valor agregado.

Assim, vemos que o extrativismo de capim dourado no Jalapão pode ser sustentável e gerar renda para os moradores da região. Para garantir isto, as organizações da região atuam com diversas parcerias e divulga os resultados que encontra. Atualmente, são dedicado a estudar os efeitos do fogo, usado no manejo dos campos úmidos, sobre a ecologia do capim dourado e de seu ambiente.

Para saber mais, leia as publicações !

 Cartilha Capim Dourado e Buriti: Práticas para garantir a sustentabilidade do artesanato.

Extrativismo de capim dourado no Jalapão: potencialidades e perigos (artigo publicado pelo Jornal da Ciência on line – SBPC em abril de 2005)

Tags:

About cerradania

Operário das letras, Comunicador e Idealizador da Cerradania, Palestrante,Professor. Letterman, Communicator and Idealizer of Cerradania, Speakers,Teacher.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Central do Cerrado – Produtos Ecossociais

Citizenship actions in the Cerrado biome

Rede MAIS Vida no Cerrado

O berço das águas corre perigo

biomas do cerrado

Citizenship actions in the Cerrado biome

WWF - Latest

Citizenship actions in the Cerrado biome

ISPN

Citizenship actions in the Cerrado biome

Cerratinga

Citizenship actions in the Cerrado biome

Rede Cerrado

Citizenship actions in the Cerrado biome

Citizenship actions in the Cerrado biome

Museu do Cerrado

Citizenship actions in the Cerrado biome

Day by Day the Farm Girl Way...

Simple life on a little piece of land.

Cerradania

Citizenship actions in the Cerrado biome

Jim Caffrey Images Photo Blog

photography from the ground up

%d blogueiros gostam disto: