Arquivo | turismo RSS for this section

Folia de Reis no cerrado

De origem portuguesa, a Folia de Reis é uma Festa católica ligada à comemoração do Natal, comemorada desde o século XIX. Segundo a lenda, quando Jesus nasceu, três reis magos foram visitá-lo, levando presentes.

folia-de-reis-de-goias

Folia de Reis no interior de Goiás

De 06 de janeiro, o grande dia, alguns locais estendem as folias até o dia 20 de janeiro, dia de São Sebastião.

Cantos, catiras e rezas no presépio, para que a festa ocorra é preciso a bandeira, conduzida com todo o respeito e devoção por um folião. Aos violeiros cabe entoar os cantos, as rezas e catiras. Eles são acompanhados pelos caixeiros, que, por meio do som da caixa, chamam os foliões para a festa. O líder é o guia da folia, quem é responsável pela alvorada, giro e entrega da folia. “É o guia que determina quem deverá fazer as obrigações. É uma pessoa de reverência, de respeito, de dignidade que aprendeu a guiar a folia com geração passada e ensina a geração imatura”, afirma Crispim Lopes. Nessa tarefa, ele é ajudado pelo contraguia.

Ao chegar às casas que os recebem, a primeira a entrar é a bandeira, que fica hasteada e todos então cantam a canção de chegada. Em seguida acontecem as paradas para os almoços e jantares, oferecidos pelos donos das casas e que são agradecidos pelos foliões com modas de viola e danças como o cateretê e catira.

O Bastião ou palhaço, que usa roupas coloridas, máscara e carrega uma espada e é o responsável por abrir passagem para a Folia, também recita poesias e cita passagens da Bíblia. Os demais participantes se dividem de forma que cada um cante de uma maneira no coro de vozes e isso traz um som muito agradável.

O mestre, sempre inicia os cânticos, é a posição mais importante do bando, pois ele é o responsável pelo andamento dos cantos, da colocação das vozes, é uma espécie de maestro, além de ser o que conhece a origem do grupo, o fundamento e a história da trajetória.

Com versos improvisados de agradecimento pela acolhida, os demais, cada qual na sua voz e vez, repetem os versos acompanhados pelos seus instrumentos. Estes instrumentos são sempre enfeitados com fitas coloridas, cada cor representa um simbolismo, rosa, amarela e azul, podem representar Maria, a branca o Espírito Santo.

Hoje nos sertões brasileiros, especialmente nos gerais de Minas Gerais e Goiás a festa se mantem por tradicionalidade, com Viola, rebeca, cantadores, literatura de cordel e roedores de pequi: a festa é completa

Sem contar,  com outras peculiaridades que transformam cada folia em num grande palco de cultura popular, com a realização das tradicionais corridas de galinha, cachorro, porco, carrinho de mão, jegue e cavalo de pau. Por tudo isso, o banquete é completo e único.

Um sentido único festejar a essência da cultura brasileira.

 

Reserva Particular de PatrimonioNatural Linda Serra dos Topázios

Localizada a cerca de 130 km de Brasília (DF), no município de Cristalina (GO), a RPPN Linda Serra dos Topázios foi uma das primeiras no Planalto Central, servindo de modelo para outras iniciativas preservacionistas.

Recebe grupos de visitantes, para eventos e turismo ecológico. Passeio ideal para um dia ou um fim de semana, facilitado pela pequena distância da capital federal. O telefone da RPPN é (61)504-0149.
Trata-se de uma área de 500 hectares, aproximadamente, situada entre os rio Topázio e o córrego Areião, que juntam-se no vértice mais baixo da RPPN, formando um cânion. Ao longo dos seus cursos ambos são encachoeirados, intercalando corredeiras sobre lajes com poços.
O cerrado é bem preservado, tendo sua flora registrada no livro Flores e Frutos do Cerrado, editado em 2000 através da Universidade de Brasília e da Agência Ambiental do Estado de Goiás, com fotos e dados referentes a espécies presentes na RPPN de Topázios. Mais dados diretamente na página específica do Ibama.

Contatos: Jurandir guia 61 9231-9399 8110-1705/Jaime proprietário 61 9918-0983(fixo) 8135-6822(celular).

Como chegar: 150km distante da rodoviária de Brasília, seguindo pela BR-040 até Cristalina entrando à direita 3km após a rodoviária e seguindo mais 12 km em estrada de barro de acordo com as placas indicativas.Foto de RPPN Linda Serra dos Topázios

O que visitar: Vale do Ribeirão dos Topázios com 2 poços límpidos e profundos e a Garganta, após o terceiro poço com acesso via pequena escalada. A Garganta só é acessível com o nível mínimo de água do rio e com muita dificuldade.O Ribeirão dos Topázios é afluente do Rio Corumbá.

O que levar: água, lanche, roupa de banho, protetor solar, saco para coleta de lixo, boné, bota. Se for para descer a garganta, é necessário 20 m de corda para quem tem experiência e mochila preparada para submersão porque a descida é por dentro da queda d´água.

Tempo de caminhada: se estacionar o carro na estrada de acesso ao rio topázio no local onde a passagem de carro não tracionado fica difícil, a caminhada até o 2º poço demorou 1:30 minutos. A volta demorou 01 hora. Lembrando que ficamos 02 horas no início do cânion no segundo poço.

Grau de dificuldade: fácil a médio, a caminhada para o rio Topázio e retornar. Lembrando que na época da seca é necessário preparar-se para passar por galhos secos. Com uma distância aproximada de 10km de ida e volta.

Valor do ingresso: R$ 10,00 por pessoa por dia.

Necessidade de guia: é permitida a visita sem guia, porém a primeira visita deve ser com guia porque existem várias trilhas e estradas dentro da RPPN.

Participantes: Dia 25: Clauber, Fabiane, Fernanda, Maria Clara, Márcia, Moacir e Sandra. Dia 26: Orlando, Juliana, Pedro e Monika (Polonesa).

Dicas:

– Todas as 3 atrações ficam dentro da fazendo do Jaime que tem 500 ha de área. É um senhor bem amistoso que tem uma grande consciência ecológica. Possui uma grande biblioteca e muito conhecimento sobre a história da região. Visitar este lugar e não trocar um dedo de prosa com Jaime é dar viagem de balde (perder uma grande oportunidade).

– É permitido acampar pagando-se mais R$ 20,00 por dia, desde que combinado antecipadamente por telefone.

– A RPPN Linda Serra dos Topázios é um centro astronômico vinculado à UNB pois Cristalina possui um dos céus mais limpos do Brasil na época da seca.

– Outras cachoeiras no município são as dos Ribeirões das Lajes e do Arrojado

Central do Cerrado – Produtos Ecossociais

Citizenship actions in the Cerrado biome

Rede MAIS Vida no Cerrado

O berço das águas corre perigo

biomas do cerrado

Citizenship actions in the Cerrado biome

WWF - Latest

Citizenship actions in the Cerrado biome

ISPN

Citizenship actions in the Cerrado biome

Cerratinga

Citizenship actions in the Cerrado biome

Rede Cerrado

Citizenship actions in the Cerrado biome

Citizenship actions in the Cerrado biome

Museu Virtual de Ciência e Tecnologia – Cerrado

Citizenship actions in the Cerrado biome

Day by Day the Farm Girl Way...

Simple life on a little piece of land.

Cerradania

Citizenship actions in the Cerrado biome

Jim Caffrey Images Photo Blog

photography from the ground up

%d blogueiros gostam disto: